AltoQi

Otimização da planta de formas

Escrito em 01 de fev de 2018 por: , na categoria: Melhorias em recursos, Release 1

Conforme informado no post sobre as Diretrizes do Eberick 2108 Next, dentre os recursos que estão sendo implementados citamos a otimização e aprimoramento de detalhamentos, que contarão com recursos para que sejam gerados de forma ainda mais eficiente e completa.

A primeira etapa de tais otimizações corresponde ao aprimoramento de critérios e novas configurações para a geração automatizada da planta de formas, acerca da posição dos textos de lajes, vigas e pilares. No caso das lajes, a configuração para otimização da posição da simbologia permanece a mesma, porém os critérios de otimização foram aprimorados. Antes, a simbologia das lajes era reposicionada para evitar sobreposição com linhas das seções de pilares e vigas, representações de cargas e aberturas. Agora, além destes elementos, a posição da simbologia também levará em conta todos os textos da forma, evitando a sobreposição da simbologia com estes elementos.

Figura 1 – Planta de formas antes e depois das otimizações implementadas

Em relação aos textos das vigas e pilares, além das otimizações descritas acima, foi implementado ainda um critério adicional para posicionamento do texto usando um indicador, que poderá ter um afastamento de até 4 vezes em relação à altura do texto da viga. Este afastamento é definido pelo usuário, através da nova configuração criada:

Figura 2 – Nova configuração para posicionar texto da viga

OBS: Esta configuração já existia para os pilares. Neste caso, os critérios foram apenas aprimorados, evitando a sobreposição com todos os textos da forma e criando a indicação, quando necessária.

Figura 3 – Planta de formas com a posição do texto de vigas otimizada

Por fim, nesta etapa foram incluídas mais duas otimizações, mas agora referentes aos cortes:

  • Ajustes na posição das cotas dos cortes das vigas, que antes ficavam sobrepostos em alguns casos;
  • Possibilidade de interromper a linha de corte.

Figura 4 – Configuração para interromper linha de corte na forma

Figura 5 – Planta de formas nas versões anteriores: textos de cotas sobrepostos e linha de corte contínua

Figura 6 – Planta de formas na versão atual: textos de cotas ajustados e linha de corte interrompida

Se você gostou do conteúdo acima leia também

Comentários

8 respostas para “Otimização da planta de formas”

  1. CIRILO DE ALEXANDRIA ALMEIDA JR. disse:

    Legal perco bastante tempo com a forma ainda. Uma outra coisa que sugiro é integrar a forma das vigas baldrames com a locação de blocos, tratando o encontro dos dois e hachuriando tudo, até tem a opção de desenhar a fundação na forma, mas as vigas continua sem cortes na posição dos blocos, dessa forma fica irreal. Pois geralmente o costume por aqui é montar as formas do bloco de fundação nivelado com as vigas baldrames e após colocar todas as armaduras concreta-se tudo junto.

  2. RPM ENGENHARIA SC LTDA disse:

    Boa noite
    Seria possível as cotas virem em centímetros e as elevações nos cortes e outros elementos virem em metros, trabalhar com duas unidades diferentes dentro da mesma prancha, ficando a critério do usuário a escolha da unidade para cotas e elevações. Ao meu ver parece uma implementação muito simples e a muito tempo solicitada.
    Estamos habituado falar elevações em metros e nem sempre, quase que nunca, em centímetros, parece que soa estranho.

    Abs.

    Robson

    • Engº Ronaldo Parisenti disse:

      Boa tarde Robson,
      Novas opções para unidades de medidas não está previsto para este ano. *

      *Seu pedido foi registrado.
      As sugestões aumentam de prioridade de acordo com o número de pedidos.

  3. ROGER SCAPINI MARQUES disse:

    Gostei bastante do novo aprimoramento, mas gostaria de pedir uma opção de manter o texto da cota sempre no meio das linhas de chamada.

    Aproveitando que estão fazendo aprimoramentos gráficos, gostaria de pedir, em nome de todos, que resolvam de uma vez por todas o antigo erro de apoios sobrepostos. Não há mais desculpa para esse erro inaceitável e inexplicável continuar existindo! É muito comum que vigas fiquem parcialmente apoiadas em pilares, amigos! Chegou a hora de consertar isso, não acham?

  4. RENATO AURELIO CAPURUÇO COSTA disse:

    Aproveitando o tema … planta de formas … me deparei com uma funcionalidade (no TEKLA) que permite gerar (automaticmente!) as projecoes verticais (e horizontais) do portico da estrutura ao longo de cada linha do grid de locacao das fundacoes. Em anexo, a caixa de dialogo que cria cada corte em elevacao, ao longo de dos planos vertical YZ e XZ (e, horizontal = XY que o eberick ja faz …). Eu acho uma boa ideia.

Deixe uma resposta